Telefone: (84) 3412-4414 | WhatsApp: (84) 99802-2547

Disney contrata empresa para vender Fox Sports. Até dezembro


Postado em 25 de Abril de 2019 - 7:55h

Veio o golpe final.

Aquele que vai afugentar os patrocinadores de vez.

E colocar o fim na sobrevida dos canais Fox Sports no Brasil.

A Walt Disney Company comprou, em dezembro de 2017, a 21st Century Fox por US$ 52,4 bilhões (cerca de R$ 173 bilhões) em ações.

No pacote, adquiriu os canais FX Networks, National Geographic Partners, Fox Sports Regional Networks, Fox Networks Group International, Star India, além das participações da Fox no serviço de streaming Hulu na produtora Endemol Shine.

Com o negócio, a Disney assumirá uma dívida líquida de US$ 13,7 bilhões (R$ 45 bilhões) da 21st Century Fox.

Em relação ao esporte, a Disney já possuia os canais ESPN no mundo.

Com a extinção do Esporte Interativo pela Turner, o Sportv perderia também a concorrência da Fox Sports.

Havia uma enorme esperança entre os funcionários da Fox Sports Brasil que eles seriam todos cooptados pela ESPN/Brasil.

O que não acontecerá.

A Copa do Mundo da Rússia deveria servir para provar a eficácia do canal Fox Sports.

Só que foi um fracasso.

A Fox Sports que investiu perto dos 120 milhões de dólares, cerca de R$ 492 milhões, ficou com resultados totalmente abaixo da expectativa. Sem a Band, a Globo chegou a 45 pontos nos jogos que transmitiu. 10 pontos a mais do que em 2014.

O Sportv ficou com a média de dois pontos.

A Fox Sports mal chegou a meio ponto de Ibope.

Mesmo contratando celebridades.

Como Jô Soares.

A busca de patrocinadores foi péssima.

Em vez de seis, cinco.

E dois com preços muito baixos.

Promocionais.

Fonte: R7 – Cosme Rímoli